Papo furado, Poeminhas

Lição I


Você precisa de muitas coisas
dentro da sua cabeça
pra se manter realmente feliz
o tempo todo.

Uma boa dose de imbecilidade
dentro do copo
vai te fazer muito bem
sempre que você experimentar

uma tolice nova.

E sempre que você tentar
bater a cabeça contra a parede
é bom que esteja
dopado de idiotice

você nem vai sentir
quando a merda escorrer
pelo seu pescoço.

Acredite em Deus.
Acredite que ainda existe amor
e bondade dentro do coração
das pessoas.

Porque é verdade.

Acredite.

Às vezes essas coisas
gostam de rir da nossa cara.

E é aí que elas existem mesmo.

Ouça o Pedro Bial
o casal Bonner/Bernardes
ria com o Jabor
e com o Jô Soares.

Mude de dieta
a cada novo Globo Repórter.

Assista à Record.
Ela está se esforçando.

Veja o Sílvio Santos
sempre que possível

sem ironia.

Leia os clássicos.
Mesmo que sejam chatos.

Beba a Boa, a Brahma,
a Schin e a Kaiser

e se sinta poderoso

não

sinta-se livre.

Sentado no sofá.

Admire as bundas.
Elas estão sempre por aí.

Preste atenção ao aviso azul
do ministério da saúde.

Sinta pena das enchentes
e dos terremotos.

Beije a mão de um mendigo
se não tiver nojo.

Arrume um bom emprego.

Nunca pare de estudar.

Nunca pare de expressar suas ideias
mesmo que sinta a necessidade
terrível e angustiante de um bom
e belo silêncio hipócrita
de vez em quando.

Não pare de girar com um mundo
nunca desista de amar
mesmo que seja sempre
a pessoa errada.

E sempre será
a porra da pessoa errada.

Beije o vazio
e seu beijo será cheio
de nada.

Cubra o rosto
para os horrores
sem ter medo deles
apenas pra manter
uma boa aparência
e mostrar que não é apático
mesmo sendo.

Beije quem você ama
e diga adeus sempre que possível.

A cada despedida
você vai crescer como pessoa

pois elas fazem isso conosco

as despedidas.

Sempre é o melhor.

O passado sempre é melhor
pra se guardar as coisas
que gostamos.

Não se apegue à lembranças
elas te fazem pensar
pensar te faz infeliz.

Então pegue um copo
e encha-o até a borda

Incline a cabeça
e sugue com cuidado

(o que nunca será possível)

e comece tudo de novo.

Você é um dos últimos
seres humanos
nascidos
no século XX

esteja feliz por isso.

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s