Contos

Ônibus


Boa noite, senhores passageiros.

Desculpa atrapalhar a viagem de vocês.

Se não fosse Jesus, abençoados, eu tava era morto.

Subi mancando, todo mundo pôde ver.

Jesus me deu 7 livramentos. Só aprendi depois do sétimo.

Que a vida não é essa coisa de doido.

Eu assaltava.

Casa lotérica, banco matriz.

Mercado, supermercado.

A senhora sabe aquela loteria que tem atrás da Riachuelo?

Eu mais dois parceiros deu uma botada lá.

Rendeu os seguranças. Todos algemados.

Os chegados foram na frente, eu fiquei atrás.

Fizemos a abordagem e eles saíram primeiro.

Cada um com cinco mil.

Não sei de onde saiu aquele outro segurança.

Tavam todos algemados.

A arma apontada pra mim.

Tremi na base, sozinho.

Ele com uma 765.

Mas foi Jesus, abençoados, foi Jesus.

Ele atirou.

Um tiro aqui na barriga.

Apertou pra descarregar.

O resto pinou.

Revidei.

E eu matei esse segurança.

Agora eu digo, abençoados.

Caiu eu prum lado ele pro outro.

Deu em tudo que é jornal.

Eu digo a vocês, foi Jesus.

Fiquei pra morrer no hospital.

E só quem é bandido sabe.

Um médico disse: deixa ele morrer.

Outro médico disse: menos um nesse mundo.

Só quem é bandido passa por isso.

Veio outros e outros.

Só um, abençoados, teve seu coração tocado.

E disse: eu cuido desse rapaz.

Porque esse médico tinha Jesus no coração.

Então meu coração também foi tocado.

E aceitei Jesus na minha vida.

Desde então eu prefiro pedir.

A roubar o que é dos outros.

A atirar nos outros.

Porque Jesus ama todas as pessoas igual.

E eu to aqui, desde de manhã.

Já é nove horas da noite.

Subindo de coletivo em coletivo.

E eu digo, abençoados.

Meu sustento é somente esse.

Porque trabalho ninguém me dá.

Por causa do homicídio.

Aí eu digo a vocês.

Eu posso sair daqui só com um pouquinho de dinheiro.

Ou posso sair com um dinheiro que dê preu me alimentar.

E os abençoados não precisam ficar com medo.

Porque Jesus ta olhando por todos nós.

E que se eu puxar esse gatilho.

As balas vão pinar.

Não levem isso como assalto.

Porque assalto eu não faço mais.

Isso é só o meu sustento.

Ninguém vai sair machucado.

Porque Jesus ama todas as pessoas igual.

Anúncios
Padrão

4 comentários sobre “Ônibus

  1. beto cabral disse:

    depois de subir nos onibus 3 ou 4 vezes com esse discurso e ver a cara dos passageiros assustados, ele mudaria para: srs passageiros, eu podia tá roubando e matando, mas to gravando pancadão… =D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s